Riley é Minha Verdadeira Heroína

Esse é o primeiro post que não tem relação nenhuma com jogos e quase nada em relação a transgeneridade que eu posto no blog, mas não será o último. Eu quero falar de mais coisas aleatórias que me interessam ou me fazem pensar, e o fato de que eu me identifiquei mais com uma personagem cisgênera heterossexual do que com uma personagem trans e lésbica num seriado que fala sobre diversidade é no mínimo curioso.

(E eu acabei de descobrir como colocar gifs animados no WordPress, então, preparem-se! *-*)

Spoilers de Sense 8 a frente: Continuar lendo