Gratidão e Minecraft no Equinócio de Março de 2019

Eu sei. As coisas andam meio estressantes ultimamente e não parece que tem muita coisa pra gente ser grata acontecendo. O mundo tá uma bosta e as nossas vidas pessoais provavelmente também estão uma bosta. E se você quiser botar a culpa nas estrelas, a estrela em questão é o Sol, que no dia de hoje entra em equinócio com o nosso planeta e logo deixará de agraciar o hemisfério Sul com seu calor escaldante.

A celebração dos equinócios surgiu entre comunidades rurais em climas temperados como o início do Outono e da Primavera, marcando-se principalmente pela troca de cores da natureza, uma pelo Sol ter ido embora, outra por ele ter voltado. Mas acho que nos últimos dois Sabbaths a gente tem feito um trabalho legal aqui de transformar e adaptar o mito da Roda para o âmbito urbano brasileiro, onde talvez a gente não tenha tanto contato com árvores que realmente mudariam de cor com a chegada do equinócio. Então onde encontramos significado no início desse outono?

Nos Estados Unidos nessa época do ano se celebra algo semelhante no seu próprio equinócio de outono: o Dia de Ação de Graças. Esse dia tem um propósito e uma origem colonizadora, sim, mas os ciclos naturais que levaram à sua inclusão são inegáveis.

Lá eles cortam as aves para fazer uma ceia. E já que a última colheita em Lughnasadh, caracterizada por grãos, foi abundante, e essa, caracterizada por carnes brancas, leite e frutas, também será, um grande jantar é combinado entre toda a comunidade e/ou família.

No entanto essa não é uma atividade enérgica e ensolarada como o Lughnasadh. O Sol está em equinócio, e a noite o dia serão iguais hoje. Luz e sombra terão o mesmo peso nas nossas vidas no dia de hoje então é tempo mais de reflexão do que de celebração.

As ceias são pacíficas, conversas calmas, e o objetivo principal dessa reunião de colheita é olhar umas para as outras e agradecer. Agradecer a comida sobre nossas mesas, a roupa sobre nossos corpos, o teto sobre nossas cabeças, e os laços de amor e carinho que temos umas pelas outras.

O equinócio também é uma época propícia para trazer gratidão para aqueles menos afortunados e partilhar sua comida e sua roupa para aqueles que não tem. Especialmente porque vai começar a ficar frio agora e é bom todo mundo ter o direito de pelo menos se agasalhar e comer direitinho.

Neste equinócio eu te convido a perguntar, o que te traz gratidão? O que você faz com sua família, quer essa família sejam três gatos, sua namorada, ou dois filhos, que te faz feliz? Faça isso e aproveite. Aproveite o amor quieto e cotidiano como você nunca aproveitou antes.

É essa a mensagem que eu acredito que o Deus e a Deusa querem nos passar esse Sabbath.

Se vamos continuar na onda de criar mitos urbanos, é aqui que a Deusa e o Deus estão com o seu apartamento novo, e prontas pra chamar as amigas pra um jantarzinho regado a videogame, ou aquele churrasco tranquilo entre família com pagode na laje. Sem muita loucura. Só a cervejinha, uma conversa, e uns agasalhos provavelmente. O reino delas está feito, o reino delas é abundante, e nada mais justo do que dividir esse reino com as demais que elas amam.

Nesse Sabbath, em vez de recomendar um jogo específico, eu vou dizer que o jogo ideal pra essa época do ano é qualquer jogo que seja cooperativo que você já joga com sua família e amigos. Pode ser Mario Party, Crash Bash, Overcooked. Mas se tem um jogo que eu acredito encapsular perfeitamente luz e escuridão, sobriedade, e generosidade dessa época do ano que acabou encontrando seu caminho dentro das casas de MUITAS famílias. Esse jogo é Minecraft.

Não tem muita coisa acontecendo em Minecraft. Você constrói e e explora. Luta contra monstros mas cuida da sua casinha de barro. E é sua casinha de barro onde está tudo que você precisa. E é bem provável que você queira dividir sua casinha de barro com outras pessoas, fazer um vilarejo, e colher todos os frutos do seu trabalho abaixo e acima da terra em conjunto com a sua família quadrada.

É um jogo sóbrio que nem se quer tem trilha sonora, mas ainda é divertido. Nas suas aventuras rotineiras de exploração e mineração ele hipnotiza crianças e adultos com o quão pouco acontece mas com o tamanho de possibilidades do que pode acontecer se você simplesmente se deixar levar.

Minecraft é um jogo extremamente popular, principalmente entre crianças, e pais que jogam videogame acabam não só usando ele pra calar a boca das crianças por alguns minutos, como também usam pra se conectar com elas. Famílias com algum hábito de videogames acabaram já criando um significado pro jogo dentro da sua rotina.

O jogo desse Sabbath é o que quer que a sua família jogue. E é bem provável que ela jogue Minecraft.

Então vá passar um tempo com a sua família, faz uma comidinha, liga o Minecraft na TV ou o que quer que vocês pirem, e tenham um encontro tranquilo e divertido com as pessoas que você ama. Seja grata por esse amor e troque essa gratidão.

Abençoado equinócio para todas nós, e blessed be.





Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.